Destaques :

Espírito Santo inova no sistema de informações turísticas com o uso de QR Code

Qualifica ES Turismo capacita Policia Militar para atendimento ao turista

Espírito Santo tem participação expressiva na Abav Expo Internacional de Turismo 2019

Conheça os 10 finalistas do 1º Desafio Brasileiro de Inovação em Turismo

Comunidade Global unida para celebrar o Dia Mundial do Turismo de 2020 em torno do turismo e do desenvolvimento Rural

Algumas curiosidades interessantes sobre origem histórica do moderno idioma Italiano

Organizadores confirmam Festuris 2020 de forma presencial para 5 a 8 de novembro

20 mil empreendimentos e guias de turismo já possuem Selo Turismo Responsável

Marcas nacionais e internacionais confirmam participação no ABAV Collab

Passeios para observação de baleias são retomados no Espírito Santo

Castelhanos, em Anchieta, promove 4º Festival da Moqueca Capixaba on-line

MTur apoia retomada de eventos turísticos e culturais no Distrito Federal

Festival de Gastronomia Senac: um duelo das moquecas baiana e capixaba

Rede Brasileira de Trilhas cria site com informações sobre percursos para visitação

Mobilidade em novos tempos de infecção e afastamento social

Ministério do Turismo divulga valores para apoiar cultura nos estados e Distrito Federal

Produtores de conteúdo de viagem se unem para lançar e-book

Vídeos de guiamento em pontos turísticos do Espírito Santo serão premiados

Agroturismo e restaurantes das montanhas preparados para atender clientes

Sai novo edital para gestão e restauração do Cais do Hidroavião

Movimento Supera Turismo realiza Webinar com expoentes que comandaram a Embratur

Coreto Digital é exemplo de criatividade nas inovações urbanas da Cidade de Curitiba

Carnaval de Congo de Máscaras e João Bananeira tornam-se Patrimônios Imateriais do Município de Cariacica

Selo Turismo Responsável já foi solicitado por 8 mil prestadores de serviços turísticos

3º Festival de Cinema de Santa Teresa

Aeroporto de Vitória amplia opções de voos a partir desta semana

Turismo da Serra Gaúcha ainda melhor com o Wyndham Gramado Termas Resort & Spa

Visitar cidades turísticas “em tempo real” é opção durante isolamento social

Programa de Regionalização do Turismo é tema de videoconferência

Troca de doações por cerveja? Sucesso em solidariedade, na bela Cidade de Gramado

Setur e IJSN divulgam resultados da Economia do Turismo capixaba para o primeiro trimestre de 2020

OMT lança diretrizes globais para a reabertura do turismo

Senac lança observatório gastronômico online para fortalecer a Gastronomia Regional

Setur participa da elaboração do plano de retomada do turismo nas Montanhas Capixabas

Gramado na Caixa comercializa produtos de Turismo em sistema de assinatura mensal

Projeto usa atividade lúdica para mostrar importância da preservação do patrimônio histórico

18ª Semana Nacional de Museus começa nessa segunda-feira

Lives com atrações culturais celebram o Dia Internacional da Língua Portuguesa

Ícone mundial, capital de todos os brasileiros chega aos 60 anos!

#RezeEmCasa: confira a programação da Festa da Penha Interativa

Auxílio emergencial já pode ser solicitado por informais e microempreendedores

Triider facilita e moderniza a contratação de prestadores qualificados

Imagem iluminada de Nossa Senhora é inaugurada na Praça do Papa

Cidade de Antônio Prado tem tudo para competir em Turismo na Serra Gaúcha

Hotéis sorteiam diárias para o segundo semestre nas montanhas

Destinos e atrativos nacionais à distância de alguns cliques

Salário de funcionários de pequenas e médias empresas será financiado pelo governo

COVID-19 – Malha aérea essencial começa no sábado (28)

Ministérios do Turismo e da Justiça e Segurança Pública tratam de remarcação de viagens e direitos dos turistas

Coronavírus: bancos e fintechs prometem suspender dívidas de estabelecimentos

Comunicado Oficial da Comissão Organizadora da Festa da Penha

Ruínas do Sítio Histórico da Igreja de São José do Queimado: museu a céu aberto no Município de Serra

Divulgada programação da Festa de Nossa Senhora da Penha

Governo lança nota interministerial para orientar consumidor

Espírito Santo comemora Dia Nacional do Imigrante Italiano no Brasil

Reunião Extraordinária do Conselho Nacional de Turismo debate Coronavírus

Aeroportos de Vitória, Curitiba, Campinas e Brasília ganham prêmio de melhores do país

MTur discute novos critérios para atualização do Mapa do Turismo

Carnaval 2020: primeiro dia com muito samba e show de Sandra de Sá

Embratur e Fornatur alinham estratégia de promoção

MTur apoia festas de Carnaval em diversos estados brasileiros

Pavilhão de Carapina conta com eventos agendados até 2021

Organização Mundial de Turismo e Centro de Culinária Basca lançam 2º Concurso de Turismo de Gastronomia

Brasil e Emirados Árabes fortalecem relação para atração de turistas

Carnaval: 100 mil turistas devem desembarcar de cruzeiros no Rio de Janeiro

Entrada de turistas dos EUA, Canadá e Austrália no Brasil cresce 16% após isenção de visto

Carnaval deve movimentar R$ 8 bilhões no setor turístico

31ª Sommerfest começa em Domingos Martins e será solidária às vítimas das chuvas

Setur faz levantamento para recuperação de atrativos turísticos em cidades atingidas pelas chuvas

Em ação inédita, Embratur busca nos EUA investimentos para o turismo náutico no Brasil

Carnaval de Vitória 2020: veja a programação completa

Turistas e capixabas já podem compartilhar Ilustrações dos pontos turísticos do ES

Pesquisa no Réveillon mostra que 96,3% dos entrevistados recomendam o ES

MASP bate recorde de visitação em 2019

ES apresenta indicadores sobre a economia do turismo e do Réveillon capixaba

Sudeste é a principal escolha no verão para maioria dos turistas do Norte do país

Vivalá oferece Turismo aliado a participação voluntária em locais paradisíacos do Brasil

Nova empresa low cost anuncia voos internacionais para o Brasil

Com expectativa de mais turistas, aeroportos se prepararam para alta temporada

Turistas pela primeira vez no ES deslumbrados com belezas de Vitória e Vila Velha

Grupo Zurich inicia operação do Aeroporto de Vitória

Secretaria de Turismo faz pesquisa de demanda turística durante Ano Novo e Verão

Região Nordeste: Empresários da hotelaria estão otimistas com gastos de turistas no verão

Turismo de observação de baleias na costa capixaba faz sucesso em 2019

Museu em Santa Teresa apresenta vida e obra de Augusto Ruschi, Patrono da Ecologia

Brasil registra 27% de crescimento nas buscas globais por viagens para 2020

Aplicativo Angels facilita ato de doações para instituições de assistência social

Setor hoteleiro tem perspectiva de aumento na geração de emprego em 2020

Projeto para reformar Sítio Histórico da Prainha valoriza a natureza, memória, mobilidade…

Evento nacional promove o agroturismo capixaba

Enbrav 2019 Serra Gaúcha exibe atrativos diferenciados a agentes de viagem do Brasil

Cidade de Montevidéu trabalha para aumentar fluxo de Turistas brasileiros

Estado do Espírito Santo destaca-se entre as quase três mil marcas da Festuris 2019

Meeting FESTURIS 2019: Embratur aponta ecoturismo como o futuro do setor

Embratur negocia aumento de voos entre Catar e Brasil

Tarifário Turístico é tema de capacitação na região das Montanhas Capixabas

Restaurantes de Manguinhos lançam cardápio de verão nesta sexta-feira, 15 de novembro

Conheça o Espírito Santo

Receita de Mocotó

Dia da Moqueca capixaba é celebrado nesta quarta (30)

Vivalá oferece Turismo aliado a participação voluntária em locais paradisíacos do Brasil

Passeio unido à oportunidade de fazer a diferença na realidade de comunidades carentes: isso é Volunturismo, modalidade de Turismo em crescimento por todo o mundo. E o País já tem uma grande operadora especializada neste segmento.

Por João Zuccaratto*

Vivalá: Turismo somado a ações voluntárias

Viajar é das melhores coisas da vida: deixar o cotidiano para conhecer outros lugares, envolver-se com culturas e pessoas diferentes, vivenciar experiências fora do comum, degustar sabores de culinárias singulares…  Curtir o novo, mesmo por pouco tempo.

Agora, aproveitar tudo isso e ainda ter a oportunidade de fazer a diferença na realidade de comunidades mais carentes é bem melhor, certamente. E essa é uma modalidade de Turismo em grande crescimento no planeta: agregar aos passeios ações de voluntários.

Trata-se do Volunturismo, atividade econômica já movimentando, a cada ano, cerca de 10 milhões de viajantes e US$ 2 bilhões em todo o mundo. E, devido ao crescimento em progressão geométrica, com possibilidade de dobrar de tamanho durante o ano de 2020.

Muitos países já são referência na atração dessa modalidade de viajantes, em maioria no continente africano: África do Sul, Moçambique, Quênia e Tanzânia são bons exemplos. O Brasil, ainda engatinhando na atividade, já somou mais de 10 milhões de aficionados.

Muitos países já são referência em Volunturismo, em maioria no continente africano: África do Sul, Moçambique, Quênia e Tanzânia são bons exemplos. O Brasil já somou mais de 10 milhões de aficionados. E a Vivalá está contribuindo para esse crescimento

Vivalá: operadora especializada em Volunturismo

Como é comum nas economias sem dirigismo — cada vez mais preponderante por aqui, apesar da mentalidade estatista, interventora, ainda permear segmentos da sociedade —, havendo demanda, aparece oferta, cresce o número de empresas especializadas no setor.

Todas oferecem, basicamente, um mesmo pacote: programas para se aproveitar finais de semana ou períodos de férias em destinos nos quais exuberância de atrativos contrapõe-se a carências diversas da sua população, seja em áreas isoladas ou em grandes cidades.

É comum, por exemplo, alguém da Cidade de Vitória, a capital do Estado do Espírito Santo, abandonar o conforto de casa e se embrenhar no sertão nordestino, para oferecer atendimento oftalmológico para crianças, como fez a doutora Liliane Nóbrega Cordeiro.

Porém, nada impede do morador da Cidade de Belém, a capital do Estado do Pará, se deslocar até à Cidade do Rio de Janeiro, a capital do Estado do Rio de Janeiro, para oferecer seus serviços aos habitantes de uma favela do Complexo do Alemão, correto?

A Vivalá oferece, basicamente, programas para se aproveitar finais de semana ou períodos de férias em destinos nos quais exuberância de atrativos contrapõe-se a carências diversas da sua população, seja em áreas isoladas ou em grandes cidades

Vivalá: programas de Volunturismo organizado

Em paralelo a conhecer pontos turísticos existentes em uma ou outra localidade, dedica parte do tempo a contribuir na melhoria de realidades onde faltam coisas bem básicas, tão comum em áreas carentes da nossa imensa Nação — ou, quem sabe, até fora dela.

Os programas de Volunturismo são bem variados. Abrangem ações ambientais, ajudar na melhoria de infraestrutura de saneamento, atenção a idosos, auxiliar no cuidado de crianças portadoras de doenças terminais, promoção da cidadania e direitos humanos…

Uns são mais populares, como ajudar na construção de cisternas, aprimorar técnicas de agricultura, integrar grupos de construção de moradias, orientar quanto ao valor dos hábitos de higiene, proteger espécies ameaçadas de extinção… São diversas as opções.

Mas todos têm o diferencial do Turismo embutido. Há outros com foco apenas nas ações voluntárias. Esses, geralmente, são desenvolvidos por Organizações Sociais da Sociedade Civil — Oscip, entidades do Terceiro Setor, empreendedores sociais etc.

Em paralelo a conhecer pontos turísticos existentes nas localidades, o volunturista da Vivalá dedica parte do seu tempo de lazer para contribuir na melhoria de realidades onde faltam coisas bem básicas, tão comum em áreas carentes da nossa imensa Nação

Vivalá: Volunturismo em cinco destinos de natureza

Uma das maiores operadoras de Volunturismo hoje, em atuação no Brasil, é a Vivalá. Ela está focada em melhorar condições de vida dos habitantes de cinco destinos de natureza, todos com paisagens deslumbrantes e populações em situações degradantes.

Três deles estão distribuídos pelo Estado do Amazonas, às margens de importantes rios daquela região: Negro, Solimões e Tapajós. Outro, no Estado do Maranhão: trata-se do Vilarejo de Atins, perdido na imensidão do Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses.

O último é a Vila de São Jorge, dentro do Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros, Estado de Goiás. Entretanto, a intenção dos gestores da Vivalá é ampliar essa atuação, incluindo novas comunidades daquela imensa região, mas todas semelhantes às atuais.

Uma das maiores operadoras de Volunturismo hoje, em atuação no Brasil, a Vivalá tem seu foco voltado para melhorar as condições de vida dos habitantes de cinco destinos de natureza — todos com paisagens deslumbrantes e populações em situações degradantes

Vivalá: Volunturismo dedicado ao empreendedorismo

Os programas das viagens, além dos passeios, têm, por objetivo, usar o melhor de cada participante para, em parceria com moradores, criar soluções compartilhadas capazes de gerar desenvolvimento econômico e melhorar a qualidade de vida da população local.

Isso é buscado a partir de mutirões voltados à geração, ampliação e aprimoramento do empreendedorismo. Como não se alcançam esses objetivos de imediato, as expedições se repetem periodicamente — e soma novos esforços àqueles realizados anteriormente.

Os fundadores da Vivalá, Daniel Cabrera e Pedro Gayotto, enxergam grande potencial para o volunturismo no Brasil. Ou seja: a pujante realidade do segmento no mercado internacional está se refletindo na população brasileira, principalmente entre os jovens.

— Cada vez mais, pessoas buscam viagens com propósito, nas quais juntam conhecer destinos incríveis a uma conexão verdadeira com os locais, buscando enriquecimento pessoal por meio do voluntariado — revela, com bastante animação, Daniel Cabrera.

— Nossos resultados mostram existir demanda crescente para esse tipo de experiência no País. De 2017 para 2018, por exemplo, tivemos crescimento de 70% em inscrições para nossos roteiros de volunturismo — revela, com bastante otimismo, Pedro Gayotto.

Os fundadores da Vivalá, Daniel Cabrera e Pedro Gayotto, enxergam grande potencial para o volunturismo no Brasil. Ou seja: a pujante realidade do segmento no mercado internacional está se refletindo na população brasileira, principalmente entre os jovens

Vivalá: Volunturismo não exige experiência prévia

A participação em qualquer programa de Volunturismo da Vivalá começa antes de se sair de casa. Primeiro, o interessado precisa informar sobre sua experiência de vida, suas capacitações, para os organizadores definirem a melhor forma de se usar aquela ajuda.

Com tudo confirmado, o volunturista recebe material de treinamento, impressos e em vídeos, de modo a se preparar para a viagem. Ele atuará segundo a curiosa definição de mestre-aprendiz: vai contribuir com os locais, e ter a humildade de aprender com eles.

Atuando como mentores, dialogando diretamente com os possíveis beneficiários, vão procurar, primeiro, entendê-los tanto como pessoas quanto como profissionais. Depois, a partir dos próprios conhecimentos, procurar ajudá-los da forma mais simples possível.

Como essa obrigação ocupa apenas um dia, pode parecer pouco à primeira vista. Não é verdade! Mesmo coisas bem simples geram grandes impactos em ambientes carentes de dois aspectos fundamentais: educação formal e circulação de informação de qualidade.

A participação em qualquer programa de Volunturismo da Vivalá começa antes de se sair de casa. Primeiro, o interessado precisa informar sobre sua experiência de vida, suas capacitações, para os organizadores definirem a melhor forma de se usar aquela ajuda

Vivalá: treinamento para sucesso do Volunturismo

Os executivos da Vivalá, Daniel Cabrera e Pedro Gayotto, destacam o volunturista não precisar de experiência na mentoria de negócios para estar nas expedições, conhecendo destinos paradisíacos engajados em trabalho transformador e não apenas assistencialista

Alguns números exprimem o sucesso desse trabalho, intitulado Universidade Vivalá: nos seus dois anos de atuação, 500 volunturistas auxiliaram 180 microempreendedores, com impacto econômico superior a R$ 500 mil na contratação de serviços nas regiões.

A Vivalá também tem projetos personalizados, criados a quatros mãos com empresas, entidades e outras organizações, inclusive do exterior, como a Universidade de Chicago, uma das mais laureadas instituições de ensino superior dos Estados Unidos da América.

Outras se duas parcerias de destaque já acertadas incluem Engenheiros Sem Fronteiras, Entrepreneurs Organization, Exchange do Bem, Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade — ICMBio e Trip Voluntária. Novas, certamente, virão muito breve.

Alguns números exprimem o sucesso desse trabalho, intitulado Universidade Vivalá: nos seus dois anos de atuação, 500 volunturistas auxiliaram 180 microempreendedores, gerando impacto econômico superior a R$ 500 mil na contração de serviços nas regiões

*João Zuccaratto é Jornalista especializado em turismo sediado na cidade de Vitória – ES / (27) 9-8112-6920

Ler anterior

Pensando em passar um final de semana em São Paulo? Veja algumas dicas imperdíveis

Ler próximo

Sudeste é a principal escolha no verão para maioria dos turistas do Norte do país

Escreva um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Follow On Instagram