Destaques :

Espírito Santo inova no sistema de informações turísticas com o uso de QR Code

Qualifica ES Turismo capacita Policia Militar para atendimento ao turista

Espírito Santo tem participação expressiva na Abav Expo Internacional de Turismo 2019

Conheça os 10 finalistas do 1º Desafio Brasileiro de Inovação em Turismo

Comunidade Global unida para celebrar o Dia Mundial do Turismo de 2020 em torno do turismo e do desenvolvimento Rural

Algumas curiosidades interessantes sobre origem histórica do moderno idioma Italiano

Organizadores confirmam Festuris 2020 de forma presencial para 5 a 8 de novembro

20 mil empreendimentos e guias de turismo já possuem Selo Turismo Responsável

Marcas nacionais e internacionais confirmam participação no ABAV Collab

Passeios para observação de baleias são retomados no Espírito Santo

Castelhanos, em Anchieta, promove 4º Festival da Moqueca Capixaba on-line

MTur apoia retomada de eventos turísticos e culturais no Distrito Federal

Festival de Gastronomia Senac: um duelo das moquecas baiana e capixaba

Rede Brasileira de Trilhas cria site com informações sobre percursos para visitação

Mobilidade em novos tempos de infecção e afastamento social

Ministério do Turismo divulga valores para apoiar cultura nos estados e Distrito Federal

Produtores de conteúdo de viagem se unem para lançar e-book

Vídeos de guiamento em pontos turísticos do Espírito Santo serão premiados

Agroturismo e restaurantes das montanhas preparados para atender clientes

Sai novo edital para gestão e restauração do Cais do Hidroavião

Movimento Supera Turismo realiza Webinar com expoentes que comandaram a Embratur

Coreto Digital é exemplo de criatividade nas inovações urbanas da Cidade de Curitiba

Carnaval de Congo de Máscaras e João Bananeira tornam-se Patrimônios Imateriais do Município de Cariacica

Selo Turismo Responsável já foi solicitado por 8 mil prestadores de serviços turísticos

3º Festival de Cinema de Santa Teresa

Aeroporto de Vitória amplia opções de voos a partir desta semana

Turismo da Serra Gaúcha ainda melhor com o Wyndham Gramado Termas Resort & Spa

Visitar cidades turísticas “em tempo real” é opção durante isolamento social

Programa de Regionalização do Turismo é tema de videoconferência

Troca de doações por cerveja? Sucesso em solidariedade, na bela Cidade de Gramado

Setur e IJSN divulgam resultados da Economia do Turismo capixaba para o primeiro trimestre de 2020

OMT lança diretrizes globais para a reabertura do turismo

Senac lança observatório gastronômico online para fortalecer a Gastronomia Regional

Setur participa da elaboração do plano de retomada do turismo nas Montanhas Capixabas

Gramado na Caixa comercializa produtos de Turismo em sistema de assinatura mensal

Projeto usa atividade lúdica para mostrar importância da preservação do patrimônio histórico

18ª Semana Nacional de Museus começa nessa segunda-feira

Lives com atrações culturais celebram o Dia Internacional da Língua Portuguesa

Ícone mundial, capital de todos os brasileiros chega aos 60 anos!

#RezeEmCasa: confira a programação da Festa da Penha Interativa

Auxílio emergencial já pode ser solicitado por informais e microempreendedores

Triider facilita e moderniza a contratação de prestadores qualificados

Imagem iluminada de Nossa Senhora é inaugurada na Praça do Papa

Cidade de Antônio Prado tem tudo para competir em Turismo na Serra Gaúcha

Hotéis sorteiam diárias para o segundo semestre nas montanhas

Destinos e atrativos nacionais à distância de alguns cliques

Salário de funcionários de pequenas e médias empresas será financiado pelo governo

COVID-19 – Malha aérea essencial começa no sábado (28)

Ministérios do Turismo e da Justiça e Segurança Pública tratam de remarcação de viagens e direitos dos turistas

Coronavírus: bancos e fintechs prometem suspender dívidas de estabelecimentos

Comunicado Oficial da Comissão Organizadora da Festa da Penha

Ruínas do Sítio Histórico da Igreja de São José do Queimado: museu a céu aberto no Município de Serra

Divulgada programação da Festa de Nossa Senhora da Penha

Governo lança nota interministerial para orientar consumidor

Espírito Santo comemora Dia Nacional do Imigrante Italiano no Brasil

Reunião Extraordinária do Conselho Nacional de Turismo debate Coronavírus

Aeroportos de Vitória, Curitiba, Campinas e Brasília ganham prêmio de melhores do país

MTur discute novos critérios para atualização do Mapa do Turismo

Carnaval 2020: primeiro dia com muito samba e show de Sandra de Sá

Embratur e Fornatur alinham estratégia de promoção

MTur apoia festas de Carnaval em diversos estados brasileiros

Pavilhão de Carapina conta com eventos agendados até 2021

Organização Mundial de Turismo e Centro de Culinária Basca lançam 2º Concurso de Turismo de Gastronomia

Brasil e Emirados Árabes fortalecem relação para atração de turistas

Carnaval: 100 mil turistas devem desembarcar de cruzeiros no Rio de Janeiro

Entrada de turistas dos EUA, Canadá e Austrália no Brasil cresce 16% após isenção de visto

Carnaval deve movimentar R$ 8 bilhões no setor turístico

31ª Sommerfest começa em Domingos Martins e será solidária às vítimas das chuvas

Setur faz levantamento para recuperação de atrativos turísticos em cidades atingidas pelas chuvas

Em ação inédita, Embratur busca nos EUA investimentos para o turismo náutico no Brasil

Carnaval de Vitória 2020: veja a programação completa

Turistas e capixabas já podem compartilhar Ilustrações dos pontos turísticos do ES

Pesquisa no Réveillon mostra que 96,3% dos entrevistados recomendam o ES

MASP bate recorde de visitação em 2019

ES apresenta indicadores sobre a economia do turismo e do Réveillon capixaba

Sudeste é a principal escolha no verão para maioria dos turistas do Norte do país

Vivalá oferece Turismo aliado a participação voluntária em locais paradisíacos do Brasil

Nova empresa low cost anuncia voos internacionais para o Brasil

Com expectativa de mais turistas, aeroportos se prepararam para alta temporada

Turistas pela primeira vez no ES deslumbrados com belezas de Vitória e Vila Velha

Grupo Zurich inicia operação do Aeroporto de Vitória

Secretaria de Turismo faz pesquisa de demanda turística durante Ano Novo e Verão

Região Nordeste: Empresários da hotelaria estão otimistas com gastos de turistas no verão

Turismo de observação de baleias na costa capixaba faz sucesso em 2019

Museu em Santa Teresa apresenta vida e obra de Augusto Ruschi, Patrono da Ecologia

Brasil registra 27% de crescimento nas buscas globais por viagens para 2020

Aplicativo Angels facilita ato de doações para instituições de assistência social

Setor hoteleiro tem perspectiva de aumento na geração de emprego em 2020

Projeto para reformar Sítio Histórico da Prainha valoriza a natureza, memória, mobilidade…

Evento nacional promove o agroturismo capixaba

Enbrav 2019 Serra Gaúcha exibe atrativos diferenciados a agentes de viagem do Brasil

Cidade de Montevidéu trabalha para aumentar fluxo de Turistas brasileiros

Estado do Espírito Santo destaca-se entre as quase três mil marcas da Festuris 2019

Meeting FESTURIS 2019: Embratur aponta ecoturismo como o futuro do setor

Embratur negocia aumento de voos entre Catar e Brasil

Tarifário Turístico é tema de capacitação na região das Montanhas Capixabas

Restaurantes de Manguinhos lançam cardápio de verão nesta sexta-feira, 15 de novembro

Conheça o Espírito Santo

Receita de Mocotó

Dia da Moqueca capixaba é celebrado nesta quarta (30)

Centro de Madri promove mudanças com prevenção a conflitos e planejamento

Por Fabrício Faustini

Ao fechar a área central à circulação de automóveis, Madri colocou em prática um plano para se transformar na capital europeia mais avançada quanto se considera políticas que conciliam mobilidade urbana e mudanças do clima. A atitude foi bem corajosa. Em meados de 2018, a Prefeitura de Madri começou a fazer divulgação e espalhou cartazes que anunciavam mudanças na cidade. A informação era clara: era a única alternativa que serviria à qualidade de vida de sua população.

Ruas de Madri com poucos carros e acesso aos meios de transporte coletivo: ônibus e metrô.

A proposta era radical, necessária e inédita. Um exemplo de sustentabilidade no continente. Seriam medidas importantes que tornariam a capital da Espanha modelo de mobilidade e na área de meio ambiente. Uma das mudanças, talvez, a maior, provocou incertezas, receio, mas também esperança, porque as mudanças são significativas. O projeto impõe restrições à circulação de carros em uma área de 5 quilômetros quadrados do Centro da cidade.

Há cerca de dois anos só estão autorizados a transitar livremente pela área ônibus, táxi e veículos elétricos. Carros particulares só  podem entrar se tiverem como destino final uma das 6 000 vagas de estacionamento público e pago. O carro também precisa de uma etiqueta ou selo especial. Os veículos devem ter menos de 15 anos, caso contrário não entram na cidade. Sem o selo, ficam proibidos de entrar na cidade.

Carros elétricos estão entre os meios de transporte preferidos.

Nas ruas de acesso foram instaladas 115 câmeras que estão conectadas com os estacionamentos e podem, portanto. Comprovar que carros que entram no perímetro não irão circular na área protegida. A intenção central foi devolver o espaço  da cidade às pessoas melhorando o ar, o fluxo de gente e veículos diariamente.

Esta transformação tem um preço. E será bancada pela Prefeitura. Cerca de 2 bilhões de reais ao longo de três anos. Não é possível implementar tamanha mudança em hábitos de locomoção sem investimentos em infraestrutura.  Os recursos serão usados para construir ou aperfeiçoar uma infraestrutura para colocar os pedestres como os principais atores e os veículos como meros coadjuvantes. Mesclar a oferta de transporte público com transporte individual e que não polui e uma boa alternativa para que os moradores compreendam e se engajam às mudanças.

A Grand Via, principal rua do Centro, com muitas lojas e teatros foi uma das primeiras a se transformar. Havia oito faixas para veículos. Restaram quatro. As outras evoluíram e se tornaram em calçadas, pontos de ônibus e bancos para sentar, para contemplação. E não foi só. Em 2018, o intervalo de circulação do metrô foi reduzido e a frota de ônibus renovada com modelos a gás natural e elétrico. Aumentou-se a oferta de carros elétricos que podem ser alugados por minutos destravando-os com um aplicativo de celular. E já são quase 2 mil disponíveis na capital da Espanha.

Passeios turísticos são feitos de bicicletas pelas ruas de Madri.

Outro meio alternativo de transporte não poluente de locomoção que ganha espaço são as bicicletas.  Em 2018, foram mais de 3,5 milhões de aluguéis realizados. Cerca de 280 mil veículos circulam diariamente na área central de Madri. Deste total, 60 mil usam ruas apenas como meio de passagem cruzando apenas para chegar a outro lugar. Com as novas leis fazer isso seria algo bem grave. E as câmeras flagram as infrações. A visível redução da emissão de poluentes também foi outra vantagem.

Não faltam exemplos de cidades que possuem adensamento.

Madri não é uma cidade de meias medidas: a mais alta, a mais jovem e a mais ensolarada das capitais europeias. Tem como lema Desde Madri al Cielo (de Madri ao Paraíso), a prosaica pretensão de que, depois dela, só resta conhecer os céus.

A fama da cidade se deve ao que lhe falta tanto quanto ao que ela tem de sobra – não há nenhum grande rio, nenhuma maravilha arquitetônica, nenhum cartão-postal imediatamente reconhecível.

Madrid é a maior cidade da Espanha e a terceira maior cidade da União Europeia, ficando atrás somente de Londres e Berlim. Madrid é uma cidade que oferece de tudo. Você pode escolher ter uma vida tranquila, aproveitar da natureza, da arte, da cultura, da boa comida. Como da vida noturna, os bares, restaurantes, sair para dançar e fazer amigos.

Há pessoas do mundo todo. A cidade recebe muito bem os estrangeiros, que se misturam e fazem de Madrid uma cidade Cosmopolita. São muitos os aspectos positivos em Madrid: o transporte público é uma maravilha, o atendimento nos hospitais públicos é ótimo, a forma como os funcionários em departamentos públicos nos atendem é respeitosa e eficiente. Além disso, é uma das cidades mais baratas para viver na Europa, falando em preço de aluguel e, principalmente, supermercado.

Pedestres já são maioria pelas ruas de Madri.

A Espanha sofreu e ainda sofre bastante com a pandemia do novo coronavírus. Apresentou, proporcionalmente, números dramáticos. É destes lugares com tão bela história, povo receptivo e espontâneo, rica história e turismo tão forte que não deveria passar por uma provação tão radical. A rotina mudou, novas regras surgiram e as pessoas estão mais receosas. Porém, muito do que já foi ganho, entre eles um pouco que tentei expor aqui em parte, não pode e nem deve ser perdido. Ao contrário, lugares que focarem no planejamento adequado de seus espaços poderão em situações adversas superar os desafios que serão cada vez mais comuns e inesperado.

 

*Jornalista especializado em turismo e escreve semanalmente sobre mobilidade urbana e seus impactos no turismo e nas cidades.

Sugestões poderão ser enviadas para o zap (27) 99806-6007 ou pelo e-mail: fabriciofaustini@gmail.com

 

 

 

Ler anterior

Hospede-se em um ônibus no meio da mata em Domingos Martins e viva uma experiência única

Ler próximo

Primeiro circuito gratuito de webinars do Senac-ES abre inscrições

Escreva um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Follow On Instagram